Dólar
R$ 5,54
-0.077%
Euro
R$ 6,04
-0.084%
Peso argentino
R$ 0,01
+0.711%
Bitcoin
R$ 375,816,61
+0.188%
Bovespa
127,652,06 pontos
-1.39%
Geral Campeonato

Presidente da CBF anuncia mais investimentos no Beach Soccer

Ednaldo Rodrigues revelou a criação do primeiro Campeonato Brasileiro organizado pela entidade e mais investimentos nas Seleções

29/02/2024 às 11h07 Atualizada em 01/03/2024 às 12h10
Por: Roberta Oliveira Fonte: CBSB.COM.BR
Compartilhe:
Presidente da CBF anuncia mais investimentos no Beach Soccer

O presidente da CBF, Ednaldo Rodrigues, anunciou nesta segunda-feira (26) novos investimentos no Beach Soccer. Ao desembarcar no Rio com a delegação que conquistou o hexacampeonato em Dubai, no domingo (25), Ednaldo Rodrigues disse que a CBF vai organizar, pela primeira vez, o Campeonato Brasileiro da modalidade neste ano.

A competição faz parte da estratégia da entidade para estimular a formação de novos talentos.

Neste domingo, o Brasil conquistou entrou para a história ao vencer a sexta Copa do Mundo de Beach Soccer ao derrotar a Itália, por 6 a 4, em Dubai.

“A conquista da Copa do Mundo foi fantástica. Já estamos idealizando uma competição nacional para os clubes jogarem o Beach Soccer no Brasil. Esse novo calendário faz parte do nosso planejamento para a disputa do heptacampeonato”, afirmou o presidente Ednaldo Rodrigues, no saguão do aeroporto Internacional Tom Jobim em meio à festa promovida por torcedores e familiares dos jogadores da Seleção.

Em parceria com a Confederação de Beach Soccer do Brasil (CBSB), o campeonato também terá uma edição feminina.

“O objetivo da CBF é fortalecer o Beach Soccer nacional, estimular o surgimentos de novos atletas e ampliar o calendário para todos os profissionais da modalidade. Vamos também continuar apoiando as Seleções colocando para jogar em todas as Datas Fifa”, acrescentou.

O presidente da CBF, Ednaldo Rodrigues, assistiu à decisão em Dubai. Integrante do Conselho da Fifa, ele acompanhou a partida ao lado do presidente da entidade mundial ,Gianni Infantino.

Contando os títulos de 2006, 2007, 2008, 2009 e 2017, a vitória em Dubai consolidou a hegemonia do futebol brasileiro na modalidade.